A importância das fibras para uma alimentação saudável

 

 

Embora as fibras alimentares não forneçam nutrientes ao organismo, são essenciais para complementar uma alimentação saudável.

 A fibra é um tipo de carboidrato (ou derivado de carboidrato) resistente a digestão no intestino delgado.

 Após o seu consumo, a fibra alimentar atravessa o intestino grosso, sendo neste local parcialmente ou totalmente fermentada pelas bactérias intestinais.

Durante o processo de fermentação, vários subprodutos são formados, como por exemplo, ácidos graxos de cadeia curta (produzidos pelas bactérias intestinais).

 Os ácidos graxos de cadeia curta são uma grande fonte de energia para as bactérias do cólon, podendo inibir o crescimento e proliferação de bactérias patogênicas (que causam doenças) no intestino.

 A fibra alimentar é classificada de acordo com sua solubilidade, em fibra solúvel e insolúvel. Ambas são necessárias ao bom funcionamento do organismo e estão presentes em diferentes proporções em vários alimentos fontes de fibras.

 As fontes de fibras são as frutas em geral, principalmente as com casca e as cítricas, legumes e verduras (couve-flor, brócolis,  verduras de folha em geral), leguminosas (lentilhas, grão de bico, feijão, ervilha) e nos alimentos à base de cereais integrais (farelo de trigo, flocos de aveia integral, pão integral, etc.).

 A recomendação diária de fibras para adultos é de aproximadamente 25g/fibras/dia sendo fibra solúvel e insolúvel.

Para maior eficiência das fibras é necessário uma boa hidratação ao longo do dia. Tome ao menos 02 litros/água/dia e mantenha uma alimentação rica em alimentos fontes de fibras.

Quais são os benefícios das fibras?

  • Auxiliam na prevenção da constipação intestinal aumentando o peso das fezes e reduzindo o tempo de trânsito intestinal, melhorando assim o funcionamento intestinal;
  • Atuam no metabolismo dos carboidratos, no controle da glicemia formando um “gel” no intestino; tornando mais lenta a velocidade na qual a glicose entra na corrente sanguínea. Esse processo auxilia no controle glicêmico de pacientes diabéticos;
  • Promovem sensação de saciedade e plenitude gástrica, evitando que você coma mais do que o necessário;
  •  Reduzem a absorção de gordura e colesterol, ao se ligarem aos sais biliares. As fibras solúveis auxiliam no controle do colesterol LDL (lipoproteína de baixa densidade – conhecida popularmente como colesterol “ruim”).

 E lembre–se de manter sempre uma alimentação balanceada e evitar o sedentarismo, independente do objetivo final, melhorando assim sua qualidade de vida!

  Fernanda Rocha Andrade

Nutricionista Clinlife

CRN 11.100

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *