A tecnologia e as atividades físicas em nosso cotidiano

O mundo vem mudando cada vez mais rápido. Os meios de comunicação estão cada dia mais tecnológicos. Cada vez mais, temos mais comodidade para fazer as nossas tarefas do cotidiano. Será que isso é bom? O que isso tem a ver com atividade física?

Essa “tecnologia” que se diz benéfica para todos, na prática, não funciona bem assim. Com a evolução da tecnologia, cada vez temos a necessidade de fazer menos esforço para fazer tarefas simples. E isso, faz com que fiquemos cada vez mais sedentários e com menor condicionamento físico.

Com a ‘correria’ do nosso cotidiano, não temos muito tempo disponível para ‘perder’.  Temos que fazer tudo para ontem e quanto mais rápido e fácil é para desenvolver uma tarefa ‘melhor’.  São esses pensamentos e atitudes que fazem o indivíduo não ‘perder’ o tempo subindo uma escada ou comunicar com o colega de trabalho a 10 metros de distância pelo celular, SMS ou whatsapp.

É importante fazermos atividades físicas no nosso cotidiano não apenas para um melhor balanço calórico (equilibrar o que consumimos com o que gastamos de esforço), mas também, para evitar a perda de massa magra, qualidade articular, colaborar para uma melhor densidade óssea e o não possuir um excesso de acúmulo de gordura em nosso corpo.

Quando fazemos uma caminhada para ir comprar algum produto ou levamos o animal de estimação para passear, estamos desenvolvendo uma atividade física de caráter aeróbico, ou seja, estamos melhorando nosso sistema cardiorrespiratório, colaborando para um melhor equilíbrio hormonal, melhor condicionamento físico e podemos contribuir até para o nosso sono com essa tarefa.

São muitos os benefícios que tarefas do nosso cotidiano, ou melhor, atividades físicas do nosso cotidiano podem colaborar para o nosso bem-estar físico e mental.

Educador Físico Clinlife

Richardson Siqueira

CREF 018387

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *