Arroz branco favorece Diabetes tipo 2?

Arroz branco consumido em excesso pode favorecer o surgimento do diabetes tipo 2, de acordo com estudo de pesquisadores de Harvard School of Public Health. Segundo a pesquisa americana, a doença tem menor índice entre pessoas que optam pelo arroz integral. Os cientistas americanos investigaram a utilização do arroz branco e integral por 157.463 mulheres e 39.765 homens, que foram acompanhados durante 14 anos como voluntários em três estudos diferentes.

Publicada no Archives of Internal Medicine, a pesquisa levantou que as pessoas que comiam arroz branco, cinco vezes por semana, apresentaram 17% de possibilidades de desenvolver diabetes tipo 2, em comparação àquelas que ingeriam o alimento somente uma vez.

De acordo com o autor do estudo, Qi Sun, “nós acreditamos que substituir o arroz branco e outros grãos refinados por grãos integrais, como o arroz integral, ajuda a reduzir o risco de diabetes tipo 2”, frisou ao avaliar que 70% do arroz consumido nos estados Unidos é branco.

“Há séculos, o arroz é um alimento de base nos países asiáticos”, lembrou ele, acrescentando que ” desde o século XX, os progressos feitos nas tecnologias do tratamento do cereal possibilitaram uma produção em massa de cereais refinados. Durante este processo, a casca do grão, assim como as partes intactas do germen, são retiradas para produzir arroz branco que, de fato, consiste num endospermo cheio de amido”.

Os pesquisadores concluíram que a substituição de grãos inteiros, incluindo arroz, pode reduzir o risco de diabetes tipo 2, recomendando que a ingestão de carboidrato deve vir, principalmente, de grãos inteiros ao invés de cereais refinados, para ajudar a prevenir a doença.

Dica para o preparo do arroz integral:

Ingredientes:

Arroz integral: 1 xícara

Tempero (pasta de alho e sal): à gosto

Água: 3 xícaras

Modo de preparo: Coloque a água para ferver, quando levantar fervura acrescente o tempero e o arroz integral. Cozinhe em fogo baixo e com a panela semi-tampada.

Fonte: www.isaude.net ( adaptado)

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *