Cogumelos: Saiba um pouco mais sobre seu valor nutricional

Os cogumelos são classificados como fungos, ou seja, são plantas que não podem obter energia por meio da fotossíntese, extraindo então os seus nutrientes do húmus. Poucas são as pessoas que conhecem os tipos e as propriedades deste fungo, que pode proporcionar um sabor especial em algumas preparações e torná-las muito mais nutritivas.

No Brasil, podemos encontrar os seguintes tipos de cogumelos: champignon de Paris, hiratake, shimeji, shiitake, funghi secchi, cogumelo do sol e outros.

O tradicional champignon, utilizado em preparações como o strogonoff tem um sabor suave, já o shimeji e shiitake utilizados em preparações  japonejas possuem sabor mais forte. O funghi secchi é o cogumelo seco, de origem italiana e é muito usado em risotos e molhos.

Os cogumelos comestíveis fornecem carboidratos, proteínas, vitaminas e minerais. Possuem quantidade elevada de proteínas e uma quantidade pequena de gordura, e por isso podem participar da alimentação de quem deseja eliminar peso.

Com relação às vitaminas, eles fornecem: vitamina B1 (tiamina), B2 (riboflavina), B3 (niacina), vitamina C (ácido ascórbico) e vitamina D. Entre os minerais podemos destacar: cálcio, potássio, iodo, sódio e fósforo.

Inúmeros estudos estão sendo realizados para comprovar se o shiitake e o cogumelo do sol realmente possuem propriedades medicinais e alguns deles fornecem evidências quanto à sua ação no sistema imunológico. Quanto ao shiitake, pesquisas dizem que este cogumelo pode reduzir o colesterol sanguíneo. Porém, ainda não há nenhuma comprovação científica.

O que podemos afirmar é que os cogumelos possuem um alto valor nutritivo. Apesar de não fazer parte da cozinha brasileira por causa do preço e da falta de conhecimento das suas propriedades.

Veja a seguir as calorias dos tipos de cogumelos mais consumidos, as características e em que preparações podemos incluir:

 

Valor Calórico em 100grs:

Champignon (fresco) – 25 Kcal (molhos e saladas)

Siitake (fresco) – 25 Kcal (massas, saladas e molhos)

 Shimeji (fresco) – 6 Kcal (massas, risotos)

 Agora que você já sabe dos benefícios desse alimento, aproveite para acrescentar em suas preparações, deixando-as mais saborosas. Experimente!

 

Espaguete Integral com Cogumelos Light

 Ingredientes

100 g de macarrão integral
200 g de shimeji
2 colheres (sopa) de cebolinha picada
1 colher (sopa) de shoyu light (molho de soja)
1 colher (sopa) de margarina light
papel-manteiga

Modo de Preparo

Leve uma panela com 2 litros de água ao fogo alto. Preaqueça o forno a 180ºC (temperatura média).  Lave os cogumelos sob água corrente. Reserve.  Separe uma folha de papel-manteiga do tamanho de uma folha de papel sulfite. No centro da folha de papel-manteiga, disponha os cogumelos, a cebolinha picada e o shoyu. Dobre o papel, fazendo um envelope e aperte bem todas as pontas para que o molho não vase. Leve ao forno por 20 minutos.  Quando a água da panela ferver, coloque o macarrão e deixe cozinhar até o ponto al dente, ou seja, a massa deve ficar um pouco durinha. Transfira para um escorredor e passe sob água fria. Retire os cogumelos do forno, coloque-os numa tigela e acrescente a margarina. Misture bem. Numa travessa, coloque o macarrão e regue com o molho. Sirva imediatamente.

  Fonte: Revista Ciênc. Tecnol. Aliment., Campinas, 2007 (adaptado)

Related posts:

  1. Cuide do seu estômago incluindo fibras na alimentação
  2. Sejam bem vindos ao + Mais Qualidade de Vida!
  3. Dieta ideal para seu estilo de vida!
  4. Nutrição Funcional
  5. Fome Oculta: a Vilã Nutricional

Envie um comentário

Seu email não será divulgado. Campos obrigatórios são marcados com *

*
*


+ 6 = 9