Fim de Ano e a Dieta

Estamos na época do ano em que é praticamente impossível não comer um pouco a mais. São confraternizações entre amigos, colegas de trabalho, a Ceia do Natal, a festa de Ano Novo e junto a tudo isso as férias vêm para ajudar no processo. Consequentemente relaxamos mais, deixamos de seguir uma rotina de alimentação e a atividade física fica suspensa, o que resulta em ganho de peso.

Mas como evitar ser atropelado por todos esses acontecimentos e não colocar em risco um resultado de meses de esforço e tentativa de mudança de hábitos? Como sair “ilesos” das festanças de fim de ano sem engordar uma grama sequer?

A primeira mudança que deve ocorrer é em seu pensamento. As festas de fim de ano irão acontecer quer esteja de dieta ou não, e todo ano será a mesma coisa, então quem precisa mudar é você. Encontre sua própria estratégia para resistir a comer em grandes quantidades. Que tal escolher aquela comida na qual você é apaixonado e as outras apenas beliscar? Ou servir apenas uma vez e não repetir? Ou ficar longe da mesa para evitar consumos exagerados?

A segunda mudança de pensamento ocorrer quanto a “saborear” o momento de outras formas. Aproveite o clima de amizade e fraternidade que essa época do ano proporciona, junte-se a seus amigos e familiares mais próximos, troquem presentes, diga às pessoas o quanto gosta delas e sinta o carinho que todos têm por você. Lembre-se, a comida não é o mais importante e sim com quem você irá passar cada um desses dias.

Uma terceira mudança, diz respeito a manter uma rotina, mesmo que isso seja difícil nessa época, mas se esforce para comer nos mesmos horários e nas quantidades adequadas. Caso tenha tempo, faça uma caminhada, se exercite um pouco, não deixe a atividade física de fora. Lembre-se que a palavra “dieta” é um estilo de vida, e este te acompanha em todos os momentos.

Por último o que tenho a dizer é, veja com sua nutricionista a melhor forma de passar por estes dias. Um cardápio adequado para os dias de festa, a melhor forma de se portar durante os eventos, o consumo adequado de cada alimento e bebida alcoólica, uma detox para o dia seguinte. Veja também com seu educador físico que tipo de exercício você pode fazer nas férias, quantos minutos a mais você precisa fazer para gastar aquela caloria extra que foi consumida, qual o melhor plano de trabalho para esse momento. Enfim, com a ajuda adequada, você conseguirá virar o ano feliz, sem culpa, e principalmente cada vez mais perto dos seus objetivos. Feliz 2015!!!!   

 

 

Iana Pechir

Psicóloga Clinlife

CRP: 04/35355

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *