Para que servem os testes neuropsicológicos?

 

A Neuropsicologia Clínica é uma ciência aplicada que lida com as cognições e comportamentos decorrentes da disfunção cerebral. É um campo da Psicologia que engloba os conhecimentos em Psicometria, Psicolinguística, Psicomotricidade, Psicobiologia, Psicofísica e a própria prática clínica. Cada vez mais, estudos sobre cérebro e comportamento vêm sendo abordados por neurocientistas relacionando as técnicas psicológicas e os constructos cognitivos. Em suma, segundo Luria (1981), é a ciência que estuda a relação entre o cérebro e o comportamento humano.

Tais constructos contam com a diversidade cerebral que podem ser avaliadas, tais como: memória, atenção, percepção, funções executivas, flexibilidade mental, velocidade de processamento, entre outros.

A avaliação neuropsicológica é um instrumento utilizado para investigação dessas funções cognitivas para compreender o que está preservado e o que se encontra comprometido. É feita por meio de materiais específicos (testes, tarefas, escalas) e por observação comportamental. Os testes neuropsicológicos tem o intuito de compreender e avaliar os aspectos cognitivos através de medidas qualitativas e quantitativas para futuras análises.

Com uma análise sucinta e adequada da memória e atenção, por exemplo, podemos obter resultados que nos leve a prevenção de diversas doenças como a Doença de Alzheimer e outras demências. Podendo também, diferenciar dificuldades de atenção ou de memória. E, ainda, compreender possíveis déficits de atenção como o TDAH.

Qualidade de Vida é saúde, é bem-estar e é prevenção. Portanto, leia bastante, mude os caminhos do dia-a-dia, memorize tarefas diárias, exercite seu cérebro, conheça seu corpo e sua mente.

Cuide-se!

Mayara Baltar – CRP 01/16374

CLINLIFE – Brasília/DF

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *