Porque Metas e Objetivos?

Objetivos e metas são realmente importantes. Eles ajudam a te dar clareza, a traçar um plano para realizar um sonho, a ter direção e saber para onde ir – o que pode ser bem confortante. Mas então por que é que você nem sempre consegue cumprir o que se propôs no dia 1º de janeiro? Por que o planejamento que você gastou tanto tempo fazendo se esvaiu feito fumaça no bimestre seguinte?

Uma das razões pelas quais não cumprimos com o que nos comprometemos em termos de objetivos é por que as coisas acontecem à nossa revelia. São os tais “fatores externos” que, por serem alheios a nós, nos escapam do controle ou da possibilidade de manipulação.

Agora, o problema acontece quando não conseguimos ir atrás do que se propôs para nós. Por que isso acontece? Em geral, por que colocamos o carro na frente dos bois, ou seja: Traçamos metas aspiracionais, na esperança de que, se as cumprirmos, elas farão nos SENTIR de determinada maneira.

Exemplos:

Objetivo aspiracional: Ter uma casa nova —> Pode significar: eu quero me SENTIR segura;

Ou seja, o foco está no lugar errado! Nós temos que entender o que clama nossa Alma, nossa essência – e o caminho para ela está em como queremos nos SENTIR.

Objetivos e metas são o meio para concretizar o como queremos nos sentir. Não são o ponto final. Repito: Objetivos e metas são o meio e não o ponto final.

Solução: Mapeie como você quer se sentir. Não daqui a 5 anos. Hoje. Daquiem diante. E daí faça um planejamento de intenções para dar conta disso!

1 – Faça um levantamento de como quer se sentir. A lista pode ser infinita, e nesse momento quanto mais, melhor. Ela vai se parecer com algo desse tipo:

2 – Agora, dê zoom em cada uma das palavras que você escolheu, com a idéia de entender o que elas querem MESMO dizer para VOCÊ. Quanto mais específicas, maiores as chances de você realmente entrar em contato com o que clama sua alma. Então, pergunte a cada uma das palavras que você escolheu: o que você quer dizer? Um exemplo. Todo mundo diz que quer se sentir uma pessoa de Sucesso. Mas o que é sucesso pra você? Defina, vá atrás e seja o mais honesto possível. O seu conceito de Sucesso é só seu.

3 – Hora de escolher 4 ou 5 palavras. São aquelas que mais te fazem sentir conectado com sua essência – aquelas que refletem sua verdade. Como eu quero MESMO me sentir? Faça o exercício da renúncia, usando seu coração como guia para deixar de lado aquilo que não lhe pertence.

4 – Finalmente, trace um Plano de intenções baseado no que você quer sentir. Sim, intenções: são objetivos que vêm de dentro. Tenho a impressão de que será mais fácil de cumprir…

Expresse sua essência, a sua alma!

Paula Oliveira

CRP 04/34982

Psicóloga Clinlife

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *