Verão Saudável: vamos curtir o verão com qualidade

Já estamos na primavera e o verão está chegando. Sol, praia, mar e muito calor, a quantidade de roupa diminui e, conseqüentemente, a preocupação com o corpo aumenta.

É importante, porém, que tenhamos cuidados que vão além da questão estética mas sim de saúde e saúde com qualidade, principalmente se está estiver relacionada com dietas inusitadas e sem orientação.

Muitas pessoas passam o ano inteiro com uma alimentação inadequada e quando se aproxima do verão iniciam-se as restrições, com isso devemos nos preocupar com questões como a saúde do nosso organismo.

Então, se rechearmos nosso cardápio com saladas, frutas, cereais e carnes magras estaremos favorecendo nosso organismo. O que não significa que carboidratos e gorduras deveram ser extinguidos, mas é importante lembrar que estaremos levando nosso organismo a um maior esforço para a digestão desses alimentos.

O processo de digestão de refeições ricas em gorduras e carboidratos eleva a temperatura do corpo, devido ao maior esforço do metabolismo, portanto devemos selecionar bem os tipos e os momentos para consumo, isso porque juntamente com sol em excesso pode tornar um fator de complicação e pode causar mal-estar.

Assim, comer feijoada, massas, pães, churrascos e ir para a praia pode ser bem indigesto. Para evitar o mal-estar e também os “quilos extras”, aposte em uma alimentação equilibrada, se possível privilegiando os pratos leves que não prejudicam seus momentos de lazer no verão.

Portanto, inclua no seu dia o consumo de muita água, de sucos e água de coco. Além de hidratarem, são fontes de vitaminas e sais minerais. No caso de iogurtes e derivados do leite, opte pelas versões light, com menor teor de gordura. E, faça uso de alimentos integrais que também ajudaram no bom funcionamento intestinal.

Já os que gostam de aproveitar o calor e sair para beber um chopp com os amigos, uma dica é válida: cerveja não hidrata. Bebidas alcoólicas são diuréticas e estimulam a perda de água, íons e sais minerais do organismo.

Além disso, são ricas em calorias vazias e, quando consumidas em excesso, podem “pesar na balança”.

Alcimara Macieira

Nutricionista – Clinlife

CRN: 06101311

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *